Ai que preguiça!


Ai que preguiça eu tenho das pessoas que me dão preguiça. Conheço tantas que hoje passo direto sem falar por simplesmente não gostar de falar por falar, de falar para manter nada, de sorrir e depois o sorriso cair. Tanta gente que quando precisa de algo sabe ser simpática e fazer questão de você. Eu preservo meus amigos, não vivo na casa deles, ligando, chamando pra sair, mas sempre que estou por perto, tento levar a alegria, os fazer rir. Quando é nosso amigo, ele pode estar do outro lado da rua, a gente dá um grito e ele dá outro com um sorrisão. Quando não, a gente diz ''é, tanto faz''. Revoltada? Não minha gente, acontece que eu não sei brincar de cabo de guerra sozinha, quando eu sinto que minha atenção e carinho não tem retorno pela outra parte eu simplesmente largo a corda, e ali temos mais um conhecido ( aqueles que a gente finge olhar a hora pra não falar ). Estamos num tempo em que ser educado já é o suficiente. Ninguém precisa ficar sendo falso, aturar gente falsa e muito menos querer elas por perto. 

1 comentários

  1. Passo o mesmo, Candy... Quando precisam, as pessoas vem com um baita sorriso, porém quando eu preciso, ninguém quer ajudar. Nos esquecem do nada, incrível né? Mas como minha mãe sempre diz: "se precisou uma vez, vai precisar outra" :D
    Bjs, Candy :*

    ResponderExcluir